domingo, 28 de outubro de 2007

Os dias antes de hoje já parecem tão distantes...
A vida parece tão vaga...
O coração cheio de esperanças [também vagas]
Os pés no chão
Rachado pelo seco que se segue desde sempre...

Assim se prossegue...
Com o gostinho da vitória na boca e as conquistas escapando pelos dedos...

Melhor prendê-las bem direitinho...

4 comentários:

ludmila disse...

elas não escaparão.
nao precisa trancar janelas.

assim tapa o sol.
deixa ele entrar que ainda precisamos de mto para nos iluminar :)


te amo.amei.

Amanda_Bia disse...

tente não deixar nada escapar pelos dedos, por mais dificl que seja!
cuide-se!
beijos!

DuH disse...

Senti tantos sentimentos esse fds. decepções e esperanças principalmente. qro conversar ocm vc... beijos! te amo

Mai Amorim disse...

Distância do presente



ahhnn Ima.. sem oq flr,
nada de útil
nada que acrescente nada;;


enfim...